(M)BAKE
THE WORLD A BETTER PLACE
Notificação Legal
{DATA PROTECTION DECLARATION}
CONTACT

Assegurar a Sustentabilidade Ambiental

 

Meta 7.A: Integrar os princípios do desenvolvimento sustentável nas políticas e programas dos países nacionais e inverter a atual tendência de perda de recursos ambientais.

 

Meta 7.B: Reduzir a perda de biodiversidade, alcançando até 2010, uma redução significativa na taxa de perda.

 

Meta 7.C: Reduzir para metade, até 2015, a percentagem da população sem acesso sustentável a água potável e saneamento básico

 

Meta 7.D:Alcançar, até 2020, uma melhoria significativa na vida de pelo menos 100 milhões de habitantes de bairros de lata.

 

 

O ingrediente principal

Não deixe queimar o seu bolo, salve o nosso planeta! Para esta receita necessitamos de água, florestas, biodiversidade e acesso a saneamento básico.

                                        

E como estamos?

Todas as regiões do globo fizeram progressos no acesso a água potável limpa. 2012 marcou o cumprimento da Meta 7.C: Reduzir para metade, até 2015, a percentagem da população sem acesso sustentável a água potável e saneamento básico, fazendo desta a primeira meta a ser alcançada, antes da data limite de 2015. No entanto, as doenças relacionadas com a falta de água potável são uma tragédia humana, matando milhões de pessoas anualmente. Impedindo outros milhões de pessoas de terem uma vida saudável e minando os esforços de desenvolvimento. No que diz respeito ao saneamento básico: mais de metade da população dos países em desenvolvimento vive sem ele. Isto significa que este ODM não será atingido até 2015. Na verdade, cerca de 2.5 mil milhões de pessoas não tem acesso a saneamento básico. A falta de quartos de banho é a causa estimada de cerca de 2 milhões de mortes evitáveis por ano, na sua maioria crianças vítimas de disenteria. Assim, as casa de banho podem ser uma solução simples para os problemas de saúde mundiais.

 

Sabia que por cada dólar que gasta em água e saneamento o retorno é de 8 dólares, como resultado do tempo ganho, aumento da produtividade e redução de custos de saúde? É por isto que vale a pena lutar para salvar o ambiente

 

Vamos agora olhar para a natureza. A taxa de deflorestação e perca de floresta devido a fenómenos naturais tem diminuído. Mas muito lentamenteeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee. Todos os anos ainda se perdem 13 milhões de hectares de floresta.

No papel, houve um aumento de legislação adotada para garantir a integração e promoção de políticas de desenvolvimento sustentável nas políticas nacionais. Mas a realidade mostra-nos que as causas económicas condicionam a aplicação de políticas ambientais. E este é um erro fulcral. De facto, a economia verde tem sido apontada como uma das soluções para o problema do crescimento económico mundial e para a redução da pobreza.

O investimento em energias limpas e na procura das melhores soluções ecológicas são algumas das direções que podemos seguir rumo ao desenvolvimento sustentável.

 

 Monitor do ODM 7

 

O que dizer aos Jovens Urbanos Ativos sobre este ODM?

As alterações climáticas e a proteção ambiental têm sido assuntos fortemente debatidos nas agendas públicas. No entanto, os JUA não se têm envolvido nesta discussão.

Nós tentámos alterar isto, procurando opções realísticas, que os JUA possam considerar aceitáveis e que tenham impacto no seu dia-a-dia. Eles não querem andar de bicicleta. Ok, então não faz sentido promover o uso da bicicleta. Mas também é contraproducente deixar os JUA pro “sua conta” só porque eles não concordam com as formas tradicionais de proteger o ambiente.

Então, porque não promover carros eficientes? Nas nossas ações educativas descobrimos que os JUA estão “abertos” a esta abordagem. 

O mesmo se aplica para o lixo eletrónico. Os JUA não querem ficar “agarrados” ao seu velho computador, querem ter acesso aos últimos gadgets. Então porque não lhes explicar como podem reciclar os seus velhos computadores e preservar os seus novos equipamentos informáticos e/ou eletrónicos.

Aqui estão alguns exemplos das dicas sobre as Tecnologia de Informação que fizemos chegar aos JUA, como os  tapetes de rato  e ação educativa sobre a redução de lixo plástico

Existe um espaço entre o não fazer nada e o fazer tudo o que é possível para assegurar a sustentabilidade ambiental.

Vamos levar o ODM 7 aos JUA: o verde é o novo preto :: green is the new black